Presidente da Comissão Especial da PEC 287 se reúne com entidades do fisco

O presidente da Comissão Especial que debate a Reforma da Previdência, deputado Carlos Marun (PMDB-MS), recebeu nesta terça (07), dirigentes da Fenafisco, da Febrafite e Anfip para tratarem sobre os prejuízos previstos na PEC 287/16.

Na oportunidade, os representantes das entidades do Fisco manifestaram a preocupação com a proposta encaminhada pelo governo federal, pois elimina direitos previdenciários conquistados, restringindo o acesso à aposentadoria dos trabalhares tanto da iniciativa privada e como do serviço público, prejudicando toda a sociedade brasileira, caso seja aprovada como está no texto original.

Carlos Marun ouviu os argumentos apresentados, inclusive com números levantados pela Anfip comprovando que não há déficit nas contas da Previdência Social, fez considerações e oportunizou ao conjunto das entidades apresentarem sugestões visando minimizar os prejuízos previstos, em especial com regras de transição mais flexíveis, tempo mínimo de contribuição, idade mínima para aposentadoria e regras de pensionamento.

A Fenafisco foi representada pelo presidente Charles Johnson Alcântara, acompanhado pelo vice-presidente da Federação, Fabiano Dadam Nau, e os diretores: Celso Malhani de Souza, Francelino das Chagas Valença Junior e Francisco Carlos de Assis.

Ao final da reunião ficou pré-agendado um novo encontro com o deputado Carlos Marun para quinta (09), às 11h, em Brasília.