Na sexta (31), sindicatos filiados à Fenafisco participaram das mobilizações locais contra as reformas propostas pelo governo Temer (Trabalhista e Previdenciária) e o projeto de lei da terceirização irrestrita. A Federação havia orientado as entidades a se juntarem, nos estados, às demais organizações sindicais que organizaram o dia nacional de luta. Foi mais um importante momento de luta e organização dos trabalhadores para tentar barrar as reformas. O movimento vem crescendo em todo o país e a Fenafisco, juntamente com os sindicatos filiados, vem jogando um papel importante na mobilização e na informação da sociedade sobre os temas, em especial na questão previdenciária. Agora, a Fenafisco se prepara para o grande ato no dia 12 de abril, no auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados, para o qual todos os sindicatos devem se mobilizar. A entidade já confirmou a presença de vários parlamentares e outras organizações que lutam contra a reforma da Previdência.

Na sexta (31), sindicatos filiados à Fenafisco participaram das mobilizações locais contra as reformas propostas pelo governo Temer (Trabalhista e Previdenciária) e o projeto de lei da terceirização irrestrita. A Federação havia orientado as entidades a se juntarem, nos estados, às demais organizações sindicais que organizaram o dia nacional de luta. Foi mais um importante momento de luta e organização dos trabalhadores para tentar barrar as reformas. O movimento vem crescendo em todo o país e a Fenafisco, juntamente com os sindicatos filiados, vem jogando um papel importante na mobilização e na informação da sociedade sobre os temas, em especial na questão previdenciária. Agora, a Fenafisco se prepara para o grande ato no dia 12 de abril, no auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados, para o qual todos os sindicatos devem se mobilizar. A entidade já confirmou a presença de vários parlamentares e outras organizações que lutam contra a reforma da Previdência.

Na sexta (31), sindicatos filiados à Fenafisco participaram das mobilizações locais contra as reformas propostas pelo governo Temer (Trabalhista e Previdenciária) e o projeto de lei da terceirização irrestrita. A Federação havia orientado as entidades a se juntarem, nos estados, às demais organizações sindicais que organizaram o dia nacional de luta.
Foi mais um importante momento de luta e organização dos trabalhadores para tentar barrar as reformas. O movimento vem crescendo em todo o país e a Fenafisco, juntamente com os sindicatos filiados, vem jogando um papel importante na mobilização e na informação da sociedade sobre os temas, em especial na questão previdenciária.
Agora, a Fenafisco se prepara para o grande ato no dia 12 de abril, no auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados, para o qual todos os sindicatos devem se mobilizar. A entidade já confirmou a presença de vários parlamentares e outras organizações que lutam contra a reforma da Previdência.